.

.

Paula Fernandes: ‘Traição deveria ser crime’. Cantora terminou o namoro com o dentista Henrique do Valle em novembro de 2016, em meio a boatos de traição


Desde que Paula Fernandes lançou a música ‘Traidor’, muito se especulou se a letra da canção tinha a ver com sua vida pessoal. Com muita sinceridade, a cantora falou sobre o assunto com a coluna: “Acho que tem muito de mim nesta música, mas fiz da minha voz, nesta canção, a voz de todo mundo que passa por isso.

Quantos homens e mulheres não passam por isso diariamente em silêncio? Sofrem esse tipo de violência psicológica e imoral, que eu acho que deveria ser crime? Eu acho que a traição é uma marca que fica dentro da pessa, seja de qualquer tipo. Traição deveria ser crime porque magoa! É muito profundo, aquilo ali fica para sempre, fica uma cicatriz”. Paula, que terminou o namoro com o dentista Henrique do Valle em novembro de 2016, em meio a boatos de traição, contou, sem citar nomes ou relacionamentos, que já foi traída e já perdoou uma traição, mas que não confia em quem trai. “Eu perdoo, mas quem traiu uma vez, trai duas. O traidor vai continuar existindo”. Em junho deste ano, a cantora assumiu um relacionamento com o cantor lírico Thiago Arancam, ela também falou sobre essa nova fase. “Estou plena, igualzinho a um arroz bom, sabe? Soltinha! A gente não tem que deixar para depois, o feliz tem que ser pra hoje! A gente só tem o dia de hoje, o futuro não existe

0 comentários:

Visitantes pelo mundo